19 de set de 2016

MUSCULAÇÃO: Nós temos PROVAS E CONVICÇÕES

Enquanto se discute por aí se os dados apresentados por profissionais são verdadeiros ou não, se há provas ou não, se tal treino funciona ou não. Vamos falar aqui de algo que realmente funciona baseados em provas E convicção: MUSCULAÇÃO. Olha de quantos benefícios os praticantes de treinamento de força podem usufruir:



EMAGRECIMENTO, CONTROLE DE DIABETES E PRESSÃO ARTERIAL (clique na PROVA):
O treinamento de força bem orientado, aliado a dieta balanceada e adoção de bons hábitos cotidiano pode levar a redução do peso corporal, aumento da sensibilidade à insulina, aumento da tolerância à glicose, diminuição dos níveis pressóricos de repouso e melhoria do perfil lipídico, importantes fatores de risco para Síndrome Metabólica.

MELHORA DA AUTO-ESTIMA, CONTROLE HORMONAL (clique na PROVA):
A musculação eleva a produção de hormônios como GH e Testosterona, diretamente ligados ao crescimento muscular, proporcionando uma melhora na auto-imagem, há ainda o incremento na produção hormonal relacionada ao bem estar e sensação de prazer. Além do controle dos hormônios antagônicos relacionados ao estresse, ansiedade e agressividade.

COMBATE A ARTRITE, ARTROSE e OSTEOPOROSE (clique nas PROVA S):
A densidade mineral óssea, que tente a reduzir com o avançar da idade, tornando os ossos mais frágeis, pode ser incrementada com o treinamento de força, ou ter sua redução controlada. Isso evita fraturas e quedas, e suas graves consequências, possibilitando mais qualidade de vida mesmo em idades avançadas.

POR UM CORAÇÃO MAIS FORTE (clique na PROVA):
Hoje a musculação já é indicada para reabilitação cardíaca, desde que bem monitorada por profissional de educação física especializado e de preferência com suporte multidisciplinar. Os efeitos do treino de força no sistema cardiovascular já são investigados com resultados bastante positivos, sendo portanto uma modalidade que além de prevenir possíveis patologias desse sistema, pode auxiliar no tratamento de algumas dessas doenças.

COLUNA SAUDÁVEL (clique na PROVA):
Dor lombar, hérnia de disco, desvios posturais e outras disfunções da coluna vertebral podem ser evitados, tratados e até curados com a prática do treinamento resistido. Muitas vezes a origem dessas dores está em maus hábitos posturais, na fragilidade da musculatura dorsal e abdominal, e na falta de flexibilidade, fatores que podem ser combatidos com um treinamento eficiente de musculação.

Essas são apenas algumas das inúmeras vantagens de ter o treinamento de força presente sempre em sua rotina, há muitas outras sendo estudadas (como tratamento para incontinência urinária, alívio de sintomas da TPM, auxílio no tratamento de CÂNCER e AIDS, etc). Abaixo colocamos outros links que você pode observar e formar as suas CONVICÇÕES!
Muitas pessoas evitam a musculação por achar chato, monótono, ou por medo de ficarem extremamente musculosos, ou ainda, por achar que os efeitos positivos demoram demais e apenas aparecem com o uso de suplementos e/ou esteroides. Não seja vítima dessas falácias de senso comum, revistas e blogueiros sem a devida qualificação: Converse com um profissional de educação Física, conte seus objetivos, tire suas dúvidas e certamente ele indicará os melhores caminhos para você seguir, e, possivelmente a musculação estará entre eles...

Leia MAIS:
https://www.researchgate.net/profile/Gislaine_Vagetti/publication/26450638_Motivos_que_levam_idosas_a_frequentarem_as_salas_de_musculacao/links/56042fc908ae5e8e3f2fd227.pdf

http://www.editorarealize.com.br/revistas/cieh/trabalhos/TRABALHO_EV040_MD4_SA7_ID1394_27072015121649.pdf

http://www.hipertrofia.org/forum/topic/168979-a-muscula%C3%A7%C3%A3o-como-fonte-da-juventude/

https://www.researchgate.net/profile/Marcus_Peikriszwili_Tartaruga2/publication/28080071_Strength_training_in_older_a_multidisciplinary_perspective/links/02e7e52f67625038d2000000.pdf

http://revistapilates.com.br/2013/11/27/treinamento-resistido-no-tratamento-do-cancer/

TEXTO pOSTADO TAMBÉM EM:  www.welfaretrainer.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá... Obrigado por comentar em meu blog... se desejar, deixe seu e-mail para contato! Continue acompanhando o trabalho!